Saiba mais
Idioma
Menu
Menu
Idioma

Paraná inaugura clínica de IST com laboratório de biologia molecular

Na semana passada, a Secretaria Municipal da Saúde do Paraná inaugurou a clínica de infecções sexualmente transmissíveis (IST) do Centro de Orientação e Aconselhamento (COA).

Com equipamentos modernos e um novo laboratório de biologia molecular, o COA amplia os serviços e passa a realizar diagnóstico clínico, teste laboratorial com resultado em até duas horas e tratamento de clamídia, gonorreia e HPV. Além destas infecções, o COA continua a fazer tratamento e teste rápido para HIV, hepatite B, hepatite C e sífilis.

A clínica traz ainda, aos usuários com diagnóstico feito pelo COA, o serviço de cauterização de verrugas genitais causadas por HPV. Além disso, foi realizada a ampliação da sala de vacinas. A clínica de IST conta com a parceria do Ministério da Saúde, Fiocruz e Centro de Controle de Prevenção de Doenças (CDC, na sigla em inglês).

Laboratório

A clínica de IST conta com equipamentos de última geração, com metodologia rápida, em um laboratório de biologia molecular. Isto vai permitir o exame e diagnóstico de clamídia, gonorreia, HPV, teste de carga viral do HIV e a quantificação de CD4 nos pacientes com diagnóstico de HIV com resultado em até duas horas.

“Curitiba sempre inovou na área da assistência, especialmente na prevenção das IST e na abordagem do diagnóstico precoce. Agora, estamos incorporando a biologia molecular, o que vai permitir que o usuário já saia do COA com o acompanhamento e tratamento para as infecções”, explica a secretária municipal da Saúde, Márcia Huçulak. “Isso é uma inovação reconhecida pelo Ministério e pela Fiocruz. Curitiba está à frente das demais cidades por esse trabalho de longa data, com mais de 20 anos de história”, afirma.

Fonte: Lab Network